Ano Lectivo 2011/2012

Paguei hoje a primeira prestação das propinas da faculdade da minha filha juntamente com a matrícula e seguro, 390€. Quando chegou a casa à noite, depois de um dia de aulas no IST (Instituto Superior Técnico), disse-me que tinha as pernas muito doridas. Questionei-a sobre o porquê do cansaço, confessou-me que na maioria das aulas esteve sentada no chão junto ao quadro, tendo necessitado de fazer um enorme esforço de pernas para conseguir passar o que era escrito no quadro para o caderno, os anfiteatros estavam lotados e a temperatura lá dentro rondava os 40 graus.

Quarta-feira inicia o ano lectivo o meu filho, aluno do ensino secundário numa escola da rede pública. Trouxe-me hoje a notícia de que as pautas das turmas cresceram bastante.

Olhei na TV estes três monos, o CoÊlho que não diz CoAlho, e manda dizer pela televisão que só pode financiar a Matemática e o Português, o resto logo se vê mas que também não interessa nada, e o Crato de cara murcha lá vai ouvindo a verborreia do chefe coibindo-se de fazer os típicos assentimentos com a cachola que a vergonha é tanta que o obriga a levar os olhos ao chão. O cicerone é o Ruas com seu bigode português, a fazer cara pesarosa como se estivesse no velório de um octogenário de Bejeu, ficava-lhe bem a farda azul escura de bombeiro e um martelinho doirado na mão.
E eu acho isto tudo muito rasca, uma gentalha muito fraca, uns vómitos falantes, um nojo engravatado.

Boa sorte aos alunos, aos professores e aos pais para enfrentarem e levaram a bom termo o novo Ano Lectivo 2011/2012.

Diga-me...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s