AJuntarmo-nos Todos

É urgente juntarmo-nos todos para concretizar o desígnio de construir um Portugal mais solidário, um Portugal com menos injustiças, com redução da pobreza e da exclusão social. Aquilo que nós chamamos um Portugal justo para todos.
Não podemos esquecer as zonas despovoadas e envelhecidas do interior.
Portugal ficaria muito mais pobre se nós esquecêssemos o nosso mundo rural.

Cavaco Silva a inaugurar o lar “Entardecer Solidário – Apoio Social a Idosos, na vila alentejana da Vidigueira

(aqui)

Suspeito, suspeito não, tenho a certeza, que enquanto Cavaco pronuncia estas palavras de caridadezinha aos homens e mulheres alentejanos, boquiabertos não de pasmo mas de velhos, está doidinho para voltar para o seu incólume sofá, no seu metódico gabinete de trabalho, olhar os seus escrupulosos papéis com números, onde traça mirabolantes algoritmos com extrapolações engenhosas, imaginando cenários imprevistos em futuros ficcionados, só pelo prazer de pôr em prática a sua excelsa formação financeira. Asseado, punhos de camisa imaculados, levantar-se-á do cadeirão pelas vinte horas, para se dirigir à saleta e na companhia da sua esposa Maria, tomará uma refeição ajantarada, muito ao estilo inglês.

Diga-me...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s