Cenas, cenários e momentos

Looking throught the mirror
Looking throught the mirror

Cenário 1

Juntos.
Ficávamos num silêncio constrangedor de quem não tem nada para dizer. O único barulho possível entre 2 desconhecidos.
Pelo menos, dizer o nome.
O nome.
É bom.
É, é muito bom.
Fingia adormecer. Imitava um cansaço jamais fartado.
Ficava num desprendimento profundo, branco, vazio.
Apertava a mola mas sem necessidade. Compunha a pintura.
Vestia-se como se fosse de manhã. Sacudia supostas poeiras do casaco.
Tens pente? Penteava-se.
Deixa fluir.
Deixo.
As rodas circulavam e faziam a imagem ficar longe. Mais pequena.
Uma curva e desaparecia.
A cidade acolhia-me com desdém.

Anúncios

Diga-me...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s